terça-feira, 14 de outubro de 2008

DO THE POP! AUSTRALIAN GARAGE-ROCK SOUND 1976-1987

No final dos anos 70, o underground australiano presenciou um fenômeno de movimentação contracultural sem precedentes, fomentado por uma proliferação absurda de bandas de garagem que tomava conta dos principais centros: Sydney, Melbourne... Talvez apenas durante o período mais fértil do punk inglês algo desse tipo tenha acontecido. Era coisa de uma banda em cada esquina. Procurar pela origem deste movimento é chegar até o remoto ano de 1974, quando surgiram duas das mais importantes e seminais bandas punk daquele continente: The Saints e Radio Birdman.

Um aspecto bem interessante na história desses grupos está relacionado ao fato de que eles desenvolviam algo totalmente à parte do que se fazia na época nos principais focos de ação do emergente movimento punk. Um diferencial, ao meu ver, bastante positivo e que acredito ser decorrência da remota localização do continente.

Essa sonoridade do punk australiano era diversa, porque as bandas também tinham uma atitude bem diferente daquela coisa niilista do punk inglês, que renegava tudo o que vinha antes deles. Os Australianos não tinham problema algum em buscar informação em movimentos anteriores. Então, a surf music do início dos anos 60, as garage bands americanas que surgiram entre 65-68 e, principalmente, o proto-punk das bandas de Detroit, eram referências comuns a muitos grupos dessa cena.



Boa parte desses lendários grupos do garage rock australiano estão presentes neste Do The Pop, álbum duplo que resgata um número considerável de nomes que muitos só ouviram falar em enciclopédias, e olhe lá... O trabalho de garimpagem é mesmo notável, muito pouca coisa ficou de fora. Neófitos e veteranos com certeza quebrarão tudo e dançarão como nunca ao som de Lime Spiders, Radio Birdman, The Victims, The Saints, The Visitors (banda posterior do menino Deniz Tek, guitarrista do Radio Birdman) e muitas outras. Enfim, é um novo mundo que se revela, é um negócio muito doido e também muito foda! Ouça esses disquinhos bem alto e seja uma pessoa mais feliz. Beijos!!